Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Artigos Meus

Artigos Meus

30
Mai18

Ainda se Sente o Peso do Enorme Atraso Educacional

Albertino Ferreira

O atraso educacional a que o fascismo votou Portugal durante 48 anos ainda se faz sentir.

O esforço, feito em democracia, para recuperar é muito grande. Mas chegou tarde para as gerações mais velhas, que correm o risco de não acompanhar as vertiginosas mudanças que ocorrem no mundo e no nosso país também.

Os dados da OCDE não deixam margens para dúvidas, é baixa a formação escolar dos portugueses com idade entre os 25 anos e os 64 anos - 50% tem apenas o ensino básico, até ao 9.º ano; com o ensino secundário são 20%. Piores só a Turquia e o México.

O atraso educacional a que o fascismo votou Portugal durante 48 anos ainda se faz sentir.

O esforço, feito em democracia, para recuperar é muito grande. Mas chegou tarde para as gerações mais velhas, que correm o risco de não acompanhar as vertiginosas mudanças que ocorrem no mundo e no nosso país também.

Os dados da OCDE não deixam margens para dúvidas, é baixa a formação escolar dos portugueses com idade entre os 25 anos e os 64 anos - 50% tem apenas o ensino básico, até ao 9.º ano; com o ensino secundário são 20%. Piores só a Turquia e o México.

 

Opera Snapshot_2018-05-10_120157_twitter.com.png

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D